Ir para o conteúdo

Prefeitura Municipal de Nova Independência e os cookies: Nosso site usa cookies para melhorar a sua experiência de navegação. Ao continuar você concorda com a nossa Política de Cookies e Privacidade.
OK
Prefeitura Municipal de Nova Independência
Notícias
Enviar para um amigo!
Indique essa página para um amigo com seus dados
Obs: campos com asterisco () são obrigatórios.
Enviando indicação. Por favor, aguarde...
JAN
12
12 JAN 2022
ADMINISTRAÇÃO
PLANEJAMENTO URBANO
SAÚDE
VIGILÂNCIA SANITÁRIA
Você sabia que água da chuva e esgoto não devem se misturar?
enviar para um amigo
receba notícias
Você sabia que há muitas diferenças entre a rede que faz a coleta de esgoto das residências e a que faz a drenagem da água da chuva da cidade? Sempre que essa separação não é respeitada, todo o saneamento do município é prejudicado.

Você sabia que há muitas diferenças entre a rede que faz a coleta de esgoto das residências e a que faz a drenagem da água da chuva da cidade? Sempre que essa separação não é respeitada, todo o saneamento do município é prejudicado.

A rede de esgoto faz a coleta dos resíduos líquidos produzidos nas atividades do cotidiano. A água que escoa pelos ralos e vasos sanitários de residências e escritórios é recolhida pela tubulação e direcionada para a estação de tratamento de esgoto, onde passa por diversos procedimentos até estar apta para retornar ao meio ambiente.

Já a rede de drenagem de água pluvial recolhe os excessos de água da chuva que se acumulam em superfícies e subsolos da cidade. Ela é formada por estruturas de engenharia encarregadas de conduzir as águas residuais das chuvas – e não precisa de tratamento – de volta aos rios, lagos e mares. É um mecanismo que atua para evitar alagamentos nas cidades.

Entenda porque é importante separar essas duas redes

Os problemas aparecem quando as duas redes são interligadas indevidamente. Isso pode ocorrer através de ligações mal feitas ou clandestinas. Imagine o destino de um esgoto despejado incorretamente na rede de drenagem pluvial. Em vez de ser conduzido para a estação de tratamento, o esgoto será lançado diretamente em rios, lagos e mares, poluindo os mananciais.

O oposto também é ruim. Quando são as águas residuais da chuva que caem equivocadamente na rede de esgoto, aumentam as chances de extravasamentos, com o retorno do esgoto para as residências. Esse problema causa um enorme transtorno, pois toda a sujeira e mau cheiro do esgoto acabam retornando para dentro de casa, o que não é nada agradável!

Isso acontece porque a tubulação da rede de esgoto foi dimensionada para receber somente o volume de resíduos líquidos gerado pelas residências. A presença da água da chuva, assim, sobrecarrega o sistema de coleta de esgoto e pode até provocar o rompimento das tubulações. Mesmo quando a estrutura consegue suportar o volume excessivo de água, a eficiência do tratamento fica prejudicada porque o esgoto já chega muito diluído.

Rede de drenagem pluvial x rede de esgoto

Para ajudar a entender melhor como funcionam essas duas redes, fizemos um infográfico que ilustra o funcionamento e o trajeto das duas redes. Conheça também as consequências da interligação incorreta entre a rede de esgoto da sua casa e a rede que coleta água da chuva, que coleta a água nas áreas externas do terreno e nas vias públicas, na forma de bueiros:

Evite misturar as redes de água da chuva e de esgoto.

Ainda tem dúvidas? Confira o vídeo que a BRK Ambiental preparou sobre o assunto:
https://youtu.be/oc_KxMAIBkc

Fonte: Saneamento em Pauta por BRK Ambiental
Autor: BRK AMBIENTAL
Local: NOVA INDEPENDENCIA
Seta
Versão do Sistema: 3.2.3 - 06/06/2022
Copyright Instar - 2006-2022. Todos os direitos reservados - Instar Tecnologia Instar Tecnologia